segunda-feira, 31 de maio de 2010

mekenna melvin

Uma das surpresas mais agradáveis da recta final de "Chuck" chama-se Mekenna Melvin e interpreta Alex, filha do Coronel John Casey.
Vimos um pouquinho de sua graça(pela primeira vez)em "chuck vs the tic tac" e nos episódios 18 e 19, com mais de tempo de antena. Não deixou créditos por mãos alheias, senão vejamos:
A servir à mesa é excepcional, nos estudos brilha, na hora de se defender não há John Casey que lhe valha e nas coisas do coração, parece ter sucumbido ao charme de Mr Grimes, Morgan Grimes :)
Se queremos mais Alex na quarta temporada? Soa unânime, sim!! :)
Mekenna Melvin tem uma carreira curta e com um Currículo Vitae bem diversificado sendo o que "salta à vista" é ser cinturão negro em karaté, possívelmente "a" mais valia na hora da escolha para entrar na "família Chuck". Banzai!! :0)
Um passeio na página oficial da "Alex" para descobrir isso e muito mais.


sábado, 29 de maio de 2010

quinta-feira, 27 de maio de 2010

jeffster - blaze of glory

Na batalha final entre Chuck e Shaw, em "chuck vs the ring: part 2", um descuido revelou o segredo pior guardado: o primeiríssimo teledisco de Jeffster!!
Jeff e Lester foram peremptórios na afirmação: "levamos dois fins de semana para fazer o teledisco, dois!"
Eu cá já acho impressionante eles terem capacidade para tal :0))
Aumenta o volume e não poupe sorrisos, porque o que esta prestes a ver, é uma obra-prima!!
Mau é bom!!
Senhora e senhores, Jeffster interpreta "Blaze of Glory"



Imagem desfocada: não tem preço! :0)

chuck 3.0 your thoughts

Hi guys!
This is a webpage to talk about Chuck in portuguese, but i know many of you are from outside Portugal so, why not ask: do you wanna enjoy the party? :0)
It´s simple, share your favorite moments of Chuck, season 3, and send your beloved words about Chuck to: chuck.vs.pt@gmail.com
Just look the previous posts (3.0 Chuck), to get an a ideia. The rest, leave with me :)
Choose at least 5 episodes per topic, okay? One is the goal, if you can :0)
Here they are:
- best episode;
- favorite moment;
- most fun line;
-best character ;
- best song in the show

"vitaminaChuck" needs you! :0)

chuck 3.0 - a escolha da carem drawanz

Ganhei o dia!
Depois do convite aos fãs para participar na escolha dos momentos mais marcantes de "Chuck", eis a primeira resposta vindo da Carem Drawanz!! :0))
Seus argumentos são muito bem apresentados e a forma como ela descreve seu melhor personagem...eu não saberia apresentar melhor! :0)
A Carem agradeçe no final pela participação, mas antecipo-me.
Obrigado eu! :0)

"vitaminaChuck" tem a honra de apresentar as escolhas da Carem Drawanz:

- episódio favorito - "Chuck versus the Ring: Part II". A escolha é imensamente difícil de ser feita, pois houveram várias obras primas nessa temporada. Porém este episódio foi o que todos os personagens apareceram, todos foram ótimos em suas participações. Ele completou perfeitamente o episódio anterior e além disso teve o duelo entre os intersects ao som de "Blaze of Glory"! Teve todos os elementos durante o episódio: Drama, ação, comédia, suspense, romance(ou só eu vi o clima entre o Morgan e a Alex?).
Mas este episódio ficou tão bom quanto o "Chuck versus The Other Guy" , "Chuck versus the Honeymooners" e "Chuck versus the Subway".

- momento favorito - Chuck escrevendo seu "spy will"("chuck vs the living dead")! Quando Chuck começa a escrever o testamento dele e durante toda a narrativa, ele demonstra o quanto ele teme pelo que pode acontecer no futuro próximo, tanto pelo fato de o intersect estar deteriorando o cérebro dele, ou por saber que as emoções dele poderiam, sim, vir a levar o pobre homem a morte. E foi uma cena que deixou as portas abertas para a season finale.
Repito, houveram outros momentos lindos, mas não os comentarei pois o tópico pede apenas um!(nota do blogger: qualquer tópico, pelos menos, até 5 episódios)


- fala mais divertida - A conversa(meio monólogo) do Casey com a Sarah quando ambos foram presos pelo Shaw em "Chuck versus the Subway": "Hmm. Don't know when it happened, but our boy became a man. Bartowski's a spy. Picked a good one, Walker...Finally."
Achei essa frase magnífica, tendo em vista que a Sarah só tinha feito escolhas erradas com os espiões com quem ela já havia se envolvido!

- melhor personagem - Sem dúvida muitos personagens evoluiram essa temporada, mas não houve nenhum personagem que mais me encantou do que a Sarah. Ela foi a mais valente de todos, conseguiu se levantar depois do "Não" que levou do Chuck no inicio da temporada, passou por uma busca pela pessoa certa com a pessoa errada e quase morreu por isso. Então resolve finalmente deixar de lado a razão e ouvir o coração e ficar com o amado e mesmo passando por maus bocados com ele...permaneceu ao lado do Chuck até o final! Ela mostrou o quão linda e forte é ao mesmo tempo! Meus parabéns a nossa Yvonne Strahovsky pela belíssima temporada!

- melhor canção apresentada - Em minha opinião, a música que eu mais gostei dessa temporada foi "I am your Skin" do The Bravery, no final do episódio "Chuck versus the Living Dead". Essa música foi muito bem escolhida para o momento. E não poderia deixar de citar que Jeffster cantando "Blaze of Glory" foi um espetáculo também!!



Palavras da Carem : "Muito obrigada pela oportunidadede compartilhar contigo meus momentos importantes da temporada".

Excelente!
Depois da minha escolha, da Carem, quem é o próximo?? :0))

quarta-feira, 26 de maio de 2010

chuck 3.0 - a minha escolha

Depois de convidar todos os leitores à partilhar opinião sobre quais foram os momentos da 3ª temporada, nada melhor do que dar o exemplo e citar quais foram os meus :0)
Não é tarefa fácil, se encontrar mais de um motivo para citar, tente por favor, limitar a escolha ao número de cinco episódios por tópico e não os 19! :0))

O Tadeu escolhe:

- episódio favorito - "chuck vs the tic tac"- além de apresentar a nova, e excelente, dupla de escritores, Lauren LeFranc e Rafe Judkins, o episódio mostra um pouco mais da vida de John Casey, personagem que ao longo do programa tem sido construído de forma magistral, quer por Adam Baldwin, quer pela trupe de argumentistas.
De desconfiado(e possível "el matador" de Chuck, lembram-se?) a amigo leal, Casey, pelo meio, encontra-se do outro lado da barricada quando um ex-mentor o "obriga" a roubar um comprimido especial nas instalações da CIA.
Neste episódio descobrimos que o "muro" deixou uma família com o propósito de servir seu país.
De mãos atadas, encontra apoio em Chuck e Sarah(a viver um mau momento entre ambos)que unem-se para salvar o amigo.
Este episódio oferece as melhores lutas de toda temporada. Casey com seu antigo mentor, Sarah contra 5 e Chuck pela primeira vez, a tirar partido ao máximo do intersect.
Há espaço para "chuck vs the bear, the other guy e vs the honeymooners". Sem dúvida!

- momento favorito - em "chuck vs the tic tac", Casey chega para confrontar o Coronel James Keller(Robert Patrick). Desce do carro, acende um charuto e joga os fósforos ao chão.
Cena seguinte vemos Sarah Walker, presa à parte debaixo do carro, olha para os fósforos e diz: "5 contra 1" numa alusão ao número de inimigos que tinha de enfrentar.
Oh boy...genial!!
Foi das melhores cenas que vi em "chuck" e sou capaz de estendê-la ao meu universo cinéfilo! Fantástico!!


- fala mais divertida - em "chuck vs the living dead" o personagem de Scott Bakula, papa B, depois de ser salvo por Chuck e no final da luta por Sarah solta um delicioso: "Does she have the intersect too?" ao que Chuck responde:" No dad, that's all her" e sorri.
Jeff, como não citar Jeff! :0)

- melhor personagem - Morgan trouxe novo fôlego ao programa, Casey está mais humano, mas Sarah passou por boas. Emocionalmente foi uma aventura! Desde o primeiro episódio com a "tampa" que Chuck lhe deu que pobrezita andou num rol de emoções incríveis e meu bravo vai para Yvonne Strahovski. Foi valente esta temporada :0)

- melhor canção apresentada- em "chuck vs the other guy", na cena em que Chuck confronta Shaw, numa ponte em Paris, o tema que acompanha marcou a densidade de um momento fulcral na história e a nível pessoal, claro, fiquei a conhecer uma banda deveras interessante: "The Antlers".
O tema chama-se "Kettering".


Feito! Quer participar? Já sabe como fazer :0)

vitaminaChuck convida

Que jornada intensa!
Expectativa para ver um novo episódio, nervos à flor da pele para saber os números da audiência semanal, uma intervenção de Josh Schwartz e Chris Fedak a meio da temporada para acalmar os ânimos depois do "ca(s)os Shaw", 4ª temporada...ufa, a folga é merecida.
Mas "Chuck" não foi só isso.
Não, foi muito mais, embalado por interpretações e personagens que nos divertem com, por exemplo, um simples grunhido ou pela banda que todos um dia, sonham em não ter :0))

Agora é tempo de rever todos episódios e apreciá-lo num todo, ligar alguns pequenos pontos que ficaram soltos para trás que culminaram no excelente final de temporada "chuck vs the subway e the ring:part 2".

O blogue "vitaminaChuck" tem um convite a fazer e só tem de dar "corda aos dedos"! :0)

Basta escrever e contar qual foi o:
- episódio favorito;
- momento favorito;
- fala mais divertida;
- melhor personagem;
- melhor canção apresentada.

nota: 5 momentos para escolher que não tem de ficar limitado a este número. Se encontra outro motivo para escolher, basta citar.
Escreve para "chuck.vs.pt@gmail.com" ou deixar um comentário para mais tarde ser transformado num "post" normal com teu nome referido.

Convite feito, conto com sua participação!
Este é um espaço feito para divulgar, partilhar tudo à volta do universo "Chuck", em português, para todos! :0)

p.s.: but if you speak another language and understand this invitation(or not... use google!), fell free to enjoy the party! :0)

episódio sonoro (actualizado)

Na edição do último  "episódio sonoro" ficaram a faltar duas ligações para as canções dos respectivos vídeos, agora reposto.
Dito isto, rock and roll!

terça-feira, 25 de maio de 2010

entrevista a chris fedak

Agora que a casa está arrumada, tempo para ler uma entrevista com Chris Fedak, conduzida por Alan Sepinwall, excelente crítico de tv.
Algumas notas sobre a temporada que agora finda e o que esperar da quarta temporada.
Fedak, a medida que a entrevista avança, parece aliviado :)
Pode ser lida nesta página.

chuck vs o pulso episódio 18 e 19

Como diria Jack Bauer: damn it!
Onde habitualmente há um número maior de telespectadores, nos finais de temporada, "Chuck" , com dois episódios fantásticos, atinge o fundo da garrafa.
Primeira hora com 4.96 milhões de telespectadores e na segunda com 5,16 milhões.
Até dói...
Se não houver divulgação por parte da NBC, temos um mau presságio para a quarta temporada.
A malta tem se mostrado forte na hora do apoio, mas até quando isto servirá de argumento?

episódio sonoro final

A trupe comandada por Alexandra Patsavas(supervisora musical)fez, como sempre faz, um belo trabalho na hora de "dar música" à "Chuck".
Desta vez, não houve contenção!
Dos habituais dois, três temas por episódio, as duas horas finais de "Chuck" tiveram um total de 12 canções sendo que algumas destas, foram recentemente lançadas por suas bandas, como é o caso dos incríveis "Band of Horses"(banda com maior número de canções em todo o programa) e a mui rock and roll "Wolfmother.
Esta semana, os episódios soaram desta forma:

-episódio 18
Timmy T - "One More Try";
Roger Miller - "England Swings";
Broken Bells - "The High Road"
Nico Stai - "One October Song";
MGMT - "Congratulations";
Menew - "Don't Give Up On Us Now" e
Band Of Horses - "Neighbor"




-episódio 19
Band Of Horses - "On My Way Back Home";
Wolfmother - "Sundial";
Band Of Horses - "Blue Beard";
Bishop Allen - "Don't Hide Away"
e o momento que proporcionou o duelo dos duelos, com "Jeffster" à mistura
Bon Jovi - "Blaze Of Glory"

isto é chuck!

Que grande final, quer dizer, que grande começo para um final de temporada!
Melhor, não acaba aqui. Quando escrito, ninguém sabia do futuro de Chuck e se acabasse hoje, não teria o mesmo efeito que "vs the other guy" teve, mas a verdade é que valeu a pena arriscar e com fãs como nós(fans like us? rs), vale a pena lutar por!

A primeira parte de "chuck vs the subway" é perfeita! Como ela nos leva a "chuck vs the ring: part 2", melhor ainda.
A trama é delineada magistralmente, com as motivações de cada personagem bem entregues.
O começo do fim culmina com Stephen Bartowski.
Scott Bakula, tua participação não pode acabar aqui. Que presença!!
A morte de papa Bartowski tem o efeito "Peter Parker": "with great powers come great responsabilities",
O tom pesado que tem vindo a ser construído durante esta temporada, encontra seu ponto alto.

Acabou a brincadeira Chuck, tempo de crescer!

No final do episódio 16, ficamos a saber que os operativos do "The Ring" fecharam o cerco ao "team Bartowski" usando a ingenuídade de Ellie.
A noção que a vida de espião é uma vida de risco, sem esquecer de que a "intersect 2.0" está a afectar de forma irreversível os neurónios de Chuck.
Estes temas anteriormente apresentados são explorados de forma sublime entre dois episódios que roçam a perfeição entre outros episódios do programa com um piscar de olho à "chuck vs the tic tac". Porque?
Porque os episódios em que um dos membros é capaz de largar tudo pelo amigo, são dos melhores!
"Subway" e "The Ring: part 2", oferecem lealdade em triplo!

Shaw está de volta e finalmente com sua verdadeira pele, a de lobo mau!
Os operativos do "The Ring" infiltraram-se de tal forma na CIA que nada, nem ninguém escapa ao motivado Shaw, nem mesmo General Beckman.
A meio disto, "los três amigos" precisam lidar com as consequências que a vida que escolheram trazem e descobrir o verdadeiro significado da palavra lealdade, que a superação nem sempre vem do elo mais forte(hello Morgan!) e importante, proteger seus entes queridos.

A equipa criativa corrigiu algumas pontas soltas que o personagem agridoce de Brandon Routh tinha. Tiraram o açucar e colocaram mais sal.
Shaw, como o arqui-inimigo de Chuck e agora detentor de uma intersect, leva-nos a velha luta entre o bem e o mal, o racional vs emocional.
Válido Sarah(wow, que soco!!) deixar de ser o principal interesse, mas sim Chuck.

Grandes interpretações pelo meio do qual é difícil destacar só uma, mas como ignorar Adam Baldwin e seu Casey. Grunhidos, muitos!!
Madresita, seu instinto protector é lindo!! :0)
Que bela surpresa saber que Casey, agora que sabe que é pai, vai visitar constantemente sua filha e centra todos seus actos a pensar nela, por ela.
A surpresa não fica por aqui! Alex(Mekena Melvin) passou num teste de "criminal psych" ou seja...Psicologia Criminal!!
Quão fixe é saber que estes personagens novos e não só, vide Morgan, quando apresentados à vida de espião, de uma forma ou de outra, possuem um conhecimento prévio que pode ajudar a resolver as situações rocambolescas que Chuck se mete, sem falar que Alex é uma "kick-ass" de primeira! :0)) "A" nas aulas de defesa pessoal...Awesome!!
Desta vez, Sarah não teve grande papel decisivo, mas Yvonne brilha na cena em que descobrimos que Chuck e seu pai, na tentativa de resgatar ela e Casey vão a outro armazém.
Alguém reparou na cara de orgulho que sentia a medida que Casey proferia um belo discurso sobre as habilidades de Chuck? Oh boy...Aces!!

Morgan e Awesome, Morgan e Casey, Morgan e General Beckam...Morgan ou...central ortodoxa :0)
Se juntar Sarah com Chuck era óbvio desde o piloto, a inclusão de Morgan na vida de espião trouxe a leveza que faltou em momentos nesta terceira temporada.
A cena em que Casey diz a Morgan(bravo Joshua Gomes, bravo!) que necessita partir os dedos do polegar, por um motivo maior que a dor e depois, descobrir que a tudo foi em vão...oh boy...fui do suspiro ao riso num instante! :0)
Saudades do "Vic Crow", o carro de Casey volta com estilo e precisão, não graças aos trapalhões Morgan e Devon :) que conseguem encontrar espaço para discussões em meio ao perigo.
Outra cena interessante(que tarefa, todas foram!) leva-nos aos bons e velhos tempos de Chuck e suas habilidade como "Nerd Herd". O "olé" que aplica a Shaw foi "not shaken, just nerd" :0)
Que colírio para os olhos esta paixão pela saga "Star Wars". É tão bem representada pela trupe de "Chuck" e não faltaarm momentos para celebrar.
General Beckman presa, a comunicar com Morgan e dizer "You are our only hope", ao melhor estilo Princesa Léia em "Episode IV: A New Hope", com aquela mensagem desfocada...Awesome!!
Mmerecia por parte de George Lucas uma carta aos produtores do programa(digo eu, mais válida que a carta que ele mandou aos produtores de Lost...bah...).

"Chuck" consegue a proeza de ter grandes personagens femininos, poderosos e decisivos e faltava a Sarah Lancaster(Ellie)este momento. A forma como seu personagem foi traçado para a a recta final trazia alguma esperança neste sentido. Era o momento de Ellie e estava prestes a acontecer.
Na verdade aconteceu, revelou mais do que habitualmente vemos em Ellie.
A forma como ela coloca uma escuta em seu pai foi formidável, como reagiu à arma escondida numa aparelhagem, brilhante. Difícil passar ao lado da interpretação de Lancaster, como o desejo de ver Ellie fora da casca.
O problema foi ver, nos minutos finais, que Ellie sente-se confortável daquela forma, que apesar de tudo que lhe aconteceu nas últimas horas, seu instinto protector a puxou para uma Ellie defensiva. Não poderia esperar uma atitude igual a de Morgan, mas esperava algo mais forte da parte dela do que uma "ordem" ao mano mais novo.
Agora resta uma dúvida, que penso, rapidamente deixará de ser. Chuck não vai deixar a vida de espião e Ellie terá de aceitar este facto tendo mesmo, acredito, directa ou indirectamente, que participar em algumas acções do "team Bartowski", afinal, ela esta exposta, sabe a verdade.

E o tema que ilustra o pior teledisco de sempre é: "Blaze of Glory" dos Bon Jovi!!
Aquele teledisco precisa "cair na rede"!!
Paira no ar que futuro irá ter a trupe da Buy More agora que foi pelos ares, pela mão( ou falta dela), quem diria de Morgan!
Jeffster foragidos da lei?? Dá para imaginar as aventuras de ambos a fugir da polícia, jeito para a coisa, não lhes faltam! :0)

As duas horas finais de "Chuck" ofereceram o que de melhor de faz na tv!
Quando dei por mim, o programa havia acabado.

Excelente prévia para a quarta temporada que focará Chuck a procura da mãe que tudo indica, foi raptada e não abandonou a família como até agora se pensara.

A 3ª temporada acabou, mas o "vitaminaChuck" não vai ficar por aqui ;)

De que forma viu este final? Quer comentar? Seja o primeiro!!

mãe?

Acabei de ver a "season finale" de Chuck e fez-se luz na minha cabeça!
Com um programa tão envolvido na mitologia de super-heróis, a mãe de Chuck e Ellie tem de ser...uma Mulher-Maravilha!!
Campanha para ter Lynda Carter no program? Conta comigo!!  :0))
Mais sobre os episódios no decorrer da tarde :)

melhor estar preparado...

...para o que vem por ai!

segunda-feira, 24 de maio de 2010

questionário: resultado

Durante uma semana "vitaminaChuck" perguntou num questionário qual personagem, na opinião do leitor, iria morrer nos episódios finais da 3º temporada. Eis o resultado em negrito:
Shaw
  4 (40%)
Big Mike
  2 (20%)
Dad Bartowski
  5 (50%)
Morgan
  0 (0%)
Casey
  0 (0%)
Sarah
  0 (0%)
Gereral Beckman
  0 (0%)
outros
  2 (20%) 

Grato a todos pela participação :)

chuck vs o tempo que falta

A terceira temporada de "Chuck" conhece seu final hoje à noite no pequeno ecrã norte-americano.
Uma emissão de duas horas com a exibição de "chuck vs the subway" e "chuck vs the ring: part 2".
A promessa de um final épico esta garantido.
Intersect a provocar danos cerebrais à Chuck, Shaw, mentiras, Ellie, parece que nada irá ficar em cima da mesa.
Como ira o "Team Bartowski" sobreviver a tudo isto?
Respostas marcadas para amanhã, no decorrer do dia.


- "chuck vs the subway" - realizado por Matt Shakman e escrito por três dos principais argumentistas do programa, Allison Adler,Matthew Miller e Phil Klemmer, que estão de saída da família "Chuck", com novos projectos pela frente. 
- "chuck vs the ring: part 2" - realizado por Robert Duncan McNeill(de todos, é o que mais sentou na cadeira de realizador, em três anos) e os responsáveis pela nossa alegria semanal, Chris Fedak e Josh Schwartz.

domingo, 23 de maio de 2010

chuck vs hellboy

Depois de uma semana a divulgar antigos comerciais criados para promover "chuck",  o último comercial escolhido nasce da parceria de uma produtora de cinema com a NBC, que "empresta" algumas estrelas da emissora, entre as quais Zachary Levi com seu "Chuck", para divulgar "Hellboy 2: The Golden Army".
O resultado supera as expectativas e 30 segundos sabe a pouco!





"Hellboy" é um personagem da bd, criado por Mike Mignola.

sábado, 22 de maio de 2010

chuck e o abdominal

O quarto(e penúltimo)comercial, a par do quinto que irei publicar amanhã, são dos mais divertidos.
Alguma nostalgia em ver Chuck trapalhão(em detrimento do Chuck responsável que pauta a 3ª temporada).
Os dois primeiros vídeos são dois comerciais diferentes para a mesma situação.
O terceiro são os bastidores destes comerciais que pode ser visto a partir do minuto 1:43(antes bastidores da primeira temporada).





sexta-feira, 21 de maio de 2010

será?

Que vamos ver alguma imagem da mãe de Chuck e Ellie no flashback?
Outro "ring" além do esperado?
Um "Team Bartowski" mais composto?
Qual seu palpite para as duas horas que faltam de "Chuck"? :0)

salvar o melhor para o final...

...o que não quer dizer que antes, haja um pouquinho de tentação!
Como nem todos gostam de ler ou ver algo de antemão,o vídeo abaixo é uma curta entrevista feita a Zachary Levi e Yvonne Strahovski(cheira a extras dvd...)feita no local de filmagens onde ocorreram as cenas finais dos últimos episódios da terceira temporada.
A NBC divulgou outras prévias que podem, se a curiosidade não quiser matar o gato :0), ser vistas no ponto de encontro do costume.

chuck vs 3D

"chuck vs the third dimension" foi especial em vários sentidos.O primeiro, claro está, foi exibir um episódio de Chuck, no pequeno ecrã, em 3D.
Em segundo remeto a presença de Dominic Monaghan e seu "Tyler Martin", um roqueiro muito semelhante ao seu "Charlie", personagem carismático que por algum tempo andou "Lost" :0)
O comercial feito para divulgar este programa não poderia ser mais... "chuck" :0)
Eis o quarto comercial que "vitaminaChuck" escolheu.

quinta-feira, 20 de maio de 2010

a mentira tem perna curta?

Faltam 4 dias para saber se as mentiras que rondam a 3ª temporada de Chuck servirão como lição e que consequências irão ter na vida de cada personagem.
"Don´t freak out!" :0)

afinal havia outra

Consegue imaginar General Beckman sem ser encarnada por Bonita Friedericy?
Bueno, por pouco não era assim.
No episódio piloto de "Chuck", o tal que serve para "vender o peixe", quem veste a pele de General Beckman é a actriz Wendy Makkena(na imagem).
Seu aspecto mais jovial e austero, não era concordante com a General descrita no papel ao que a  produção optou então por Friedericy que entrega um personagem mais à altura do tom do programa.
A troca, possível de comparar(apesar do curto tempo de antena de Makkena) é evidente.
A Beckman de Friedericy esta sempre "em guarda" mas quando a perde, faz-nos querer ir para a guerra ao seu lado! :)

quarta-feira, 19 de maio de 2010

chuck e a sanduíche

"vitaminaChuck" vira um pequeno ecrã!
O terceiro comercial escolhido apresenta os actores assumindo seus nomes reais, mas interagem entre si, como se fossem os personagens de "Chuck".
O vídeo apresenta uma compilação de comerciais criados para promover uma noite dupla de "Chuck" com a emissão, pelo meio, do programa "The Apprentice".
Uma observação: reparem o quão distante está o "Capitão Awesome" no primeiro comercial. Que cara de poucos amigos! :0)

chuck vs o pulso episódio 17

Os números foram divulgados ontem, mas só hoje tenho oportunidade de escrever no blogue.
Mantem-se na casa dos 5 milhões e "chuck vs the living dead", não fugiu a regra: 5,20 milhões de espectadores.
Espera-se que as duas horas finais, a ser exibido no próximo dia 24/05, devem aumentar a fasquia.
Depois, é tempo de arranjar novas armas para que tal número suba na quarta temporada. Assim espera-se.

terça-feira, 18 de maio de 2010

quem irá morrer?

Não é segredo para ninguém a esta altura do campeonato que alguém próximo a Chuck, irá ter um "final infeliz".
Será alguém próximo demais à Chuck? Que rumo terá o programa se isso acontecer?
De espião por paixão a espião por obrigação?
Não quero "Chuck tão denso...e o leitor, o que pensa?
Vota na sondagem que está na barra lateral e dê sua opinião nos comentários.
Participa! :)

nota: prepara-te! vem ai mais perguntas sobre a terceira temporada ;0)

batimento cardíaco: alto!

Nada parece ficar em cima da mesa...


Ao segundo 23/24, clica em pausa e seja surpreendido! ;0)

episódio sonoro

Esta semana, episódio 17 soou desta forma:
- Earth, Wind and Fire - "September";
- The Bravery - "I Am Your Skin" e
- Nazareth - "Love Hurts" (esta canção é mítica!!)

a verdade da mentira

Entre todos elementos associados à "Chuck", há um central que vem agora à tona com contornos dramáticos: a família.
"chuck vs the living dead", coloca-nos dentro de um quarto a montar um puzzle pronto a ser desfeito, lançando todos numa espiral de incertezas.
Não é um daqueles episódios, como diria Devon para"Once we're in bed, post-lavender bath, I spend 20 minutes just watching her sleep..."
Há algo mais, 40 minutos de pura trama televisiva que, em momento algum, dá uma pista sobre o que vem por ai.
O "lado negro" do programa trouxe à baila um tema realista: a morte. Surge com alguma "ternura", mas carregada de emoção para, mais uma vez, lançar a dúvida sobre quem irá morrer nas duas horas que faltam para encerrar a terceira temporada(poderei arriscar, definitivamente Shaw, ao invés do pai de Chuck? Tomara...).
Até nos momentos mais cómicos, com Jeffster, a dúvida sobre o futuro do grupo é lançada e aqui, não obstante a paixão pelo duo, a equipa criativa superou expectativas. Surpreendeu onde menos esperava.
Houve um momento que, claramente, não gostei e esperava outro tipo de tratamento no argumento. Quando Casey interroga Sarah, com Chuck ao lado, sobre um dia na vida de Shaw(que tortura pá!)e Sarah.
Não senti repulsa em momento algum por parte de Sarah. Percebi a necessidade de preservar sua intimidade, preservar Chuck de um assunto delicado, mas a cena tornou-se mais incómoda do que desagradável, da parte dela.
É minha opinião claro, mas preferia ver esta cena de outra forma. Ela ama Chuck, ponto assente, mas de repente, vi erros do passado novamente "em cima da mesa".

A mentira entre o "team bartowski" cresce de mãos dadas com a desconfiança e Ellie, ainda tem uma palavra a dizer.
Quem diria que suas habilidades como espiã roçariam a perfeição?
Vejo a cena em que coloca o localizador no pai como expoente máximo do que é o programa "Chuck", um nerd que salva vidas por 11 dólares a hora. A versão feminina Bartowski assume o papel do irmão, com a diferença de que ao invés de salvar o mundo, está prestes a virá-lo de ponta cabeça :0)
Se a trama da intersect a causar problemas neurológicos(ola Ellie!)em Chuck é uma mais valia do argumento, o que dizer de um "intersect" do mal? E que nêmesis foram arranjar...promete!
Se por um lado o fim de "Chuck" significa meses sem episódios novos, por outro, a tensão está instalada para ver o desfecho final(escrito antes do anúncio da quarta temporada)na próxima segunda feira.
Oh boy...

segunda-feira, 17 de maio de 2010

chuck e o morto vivo!

Oh boy...temos programa!
"Chuck vs The Living Dead", promete ser espectacular!
Além de preparar terreno para a recta final da terceira temporada, foi escrito pela dupla Lauren LeFranc e Rafe Judkins. "Awesome"!!
Preparados?
Faltam 3 horas para acabar a temporada e o cerco aperta para o "Team Bartwoski" e não faltam perguntas à espera de respostas!
Quem é o "living dead". Será Shaw, será um zombie, será Jeff ? :0))
"dad" Bartowski regressa para proteger a família. Irá entregar-se ou dar a volta à todos com sua inteligência? O homem sabe como dar o recado, afinal...ele é "Orion"!
Ellie, madresita, estará a beira de descobrir tudo sobre quem a rodeia?
Nasce uma estrela, ou duas? O que Big Mike terá a dizer sobre?
Irá Sarah salvar o dia?
Até sabermos, fica a promo feita para a tv canadense.

domingo, 16 de maio de 2010

chuck e o comercial "aussie"

Segundo comercial a "picar o ponto" por estas bandas.
Desta vez, o vídeo é uma colecção de imagens para divulgar a estréia de "Chuck" na Austrália.
A banda sonora escolhida acentua alguns momentos cómicos e fazem desta promo, uma diversão acrescida.
Além do mais, quão divertido é recordar a primeira temporada de "Chuck"? Oy!

sábado, 15 de maio de 2010

chuck e os comerciais

"vitaminaChuck" no decorrer dos próximos dias irá apresentar uma série de comerciais que serviram para divulgar "Chuck".
Graças ao "youtube", foi possível recolher uma boa quantidade de vídeos e qual deles o mais divertido!
A criatividade destes pequenos comerciais estão ao nível de "chuck", sem dúvida!
No final, a certeza que faltaram alguns, tenho vaga memória de ter visto um com o Morgan, a segurar uma espécie de "secador", mas sem sorte com o motor de busca. Se alguém souber e quiser enviar para o blogue, agradeço.
Um dos meus favoritos serve para divulgar os programas "chuck", "medium" e "heroes" num único vídeo, que foi exibido nos intervalos do "Superbowl"(um dos maiores eventos desportivos made in usa), mas todos com cortes no final, não seria justo publicar.
Dito isto, as promos!
O vídeo abaixo apresenta diversas promos com cerca de 30 segundos cada, compiladas num único vídeo para divulgar a primeira temporada de "Chuck".
A babá, Sarah e sua habilidade para esconder facas em todos os lados, o treinamento...um simples comercial e é irresistível! :0)

tem 13min e 56 segundos? :0)

A entrevista é de 2009.
Na altura, a CNN fez uma reportagem sobre "Chuck" ser salvo para a 3ª temporada e o apoio dos fãs, mas é tão actual que serve perfeitamente como complemento ao "post" anterior.
Zachary Levi demonstra mais uma vez que não é só um actor cómico. Entende bem como funciona o mercado e uma das suas afirmações não poderia ser mais objectiva:
"it´s about "show business and not show fun"(sobre audiências e fãs)
Vale a pena ver. A entrevista conta com Zach, Josh Gomez e Gray Jones do "chucktv.net"

sexta-feira, 14 de maio de 2010

chuck e o anúncio oficial 2(actualizado)

-na altura que escrevi este texto, não tinha encontrado o anúncio oficial da NBC, agora sim. Pensamentos no final do texto.

Não sei ao certo se foi uma fuga de informação que antecipou as notícias à volta de "Chuck" e outras novidades da NBC do dia 16 para hoje. Uma nota oficial foi divulgada(não encontrei online) e a presidente da NBC, Angela Bromstad, disse em comunicado o seguinte:
"Chuck has proven its enduring appeal and we love the new creative direction that Josh and Chris have taken the show(chuck tem provado seu valor e nós amamos as novas direcções que Josh e Chris tem dado ao programa)".
Confirmado também o número de episódios: treze!
Existe a possibilidade de mais nove episódios. Sem querer ser repitivo com outras afirmações escritas no blogue, para mais nove episódios, Chuck tem de ter bom desempenho com as audiências. Não é falta de qualidade, mas sim de intere$$e$.
Mas atrás de uma boa notícia, há sempre uma má.
Uma dos nomes mais emblemáticos do programa, a produtora-executiva e também argumentista Alison Adler, troca uma letra consoante por uma vogal.: sai da NBC vai para a ABC.
Alison assinou contracto há um mês atrás com a ABC, antes mesmo de saber o destino de "Chuck"(será reflexo da incerteza que o programa vive constantemente?)com a trupe criativa da comédia "No Ordinary Family" que em poucas palavras, será uma espécie de "Fantastic Four". Uma família descobre que tem poderes e enquanto ajuda "el mundo", em casa, não há nada que os safe da rotina familiar.
É uma saída significativa, o que não impede de desejar boa sorte a quem tanto deu ao programa.
Depois de Scott Rosembaum sair para a série de ficção científica "V"(que também foi renovada), outro nome de peso deixa a família Chuck.
Espero que as luas se alinhem e que pelo menos, isto signifique mais Lauren LeFranc e Rafe Judkins.

Foi um dia intenso, antecipado e muito festejado pela comunidade "Chuck" do qual este blogue "made in Portugal" muito orgulha-se de fazer parte :0)
Apostas para "Chuck 4.0"?
Sarah a citar diálogos do "Star Wars"? A discutir música com Chuck? :0))
Guito, deem guito para ter toda trupe de volta!! :0))

Actualizado
Surpresa total!
Além do elogio à Chuck, vindo directamente da presidente da emissora, um dado novo: a média do programa!
Enquanto a tensão existia a cada episódio com as audiências, a NBC surge com a média do programa e citando os gringos "it blows my mind!"
Nunca havia pensado neste factor na hora de pesar a balança.
Classificação de 2.4, atinge 6 pontos entre idade média 18-45 anos(um aumento de 22%!!) e uma média total de 6.6 milhões de espectadores.
Um regalo para os olhos ler este artigo(fala de Chuck no início e principalmente no fim)

chuck e o anúncio oficial

Atenção continua virada para o próximo dia 16/05(não 17 como estava previsto)para ler a nota oficial de quem tem a rédea da NBC.
Tenho esperança que o formato 13+9 episódios caia por terra e se tranforme em 22 episódios.
É um desejo, mas 13, admito, é já um excelente sinal.
Entendo ser um tipo de "pressão" estranha para colocar na trupe que cria o programa, mas que anda de mãos dadas com o actual desempenho oficial de "Chuck" nas audiências.
Veremos o que eles tem para dizer.

Fora isso, "vitaminaChuck" ganha novo propósito e vai estar "na rede" por muito mais tempo :0))
Um desejo pessoal? Ver Chuck ir ao cinema com os amigos para ver "Tron: Legacy", que tem estréia marcada para Dezembro deste ano.
Cereja!

um aliado importante

As notícias não param de chegar e regojizam a renovação de "Chuck" para uma quarta temporada.
A "Optmedia" publicou um artigo deveras interessante, que analiza não só as tradicionais caixas que medem as audiências, as mui comentadas "Nielsen Familys", mas a forma como outras plataformas traduzem-se em números na hora de avaliar a popularidade de um evento do pequeno ecrã, no caso, "Chuck".
A "Content Power Ratings" mede o real valor comercial do programa pelo tamanho da audiência, fidelidade e envolvimento.
Pela primeira vez, em três anos de avaliação, recaem sobre o "Facebook" e o "Nielsen BuzzMetric", detentores únicos sobre esta nova actividade digital: o número de "amigos" do programa, o sentimento envolvido nas conversas em blogues(oba!!) e salas de conversa relacionadas com estão entre os factores explorados.
O domínio pertence a "House" e a "Lost" em diferentes formas, mas "Chuck", aparece em 25ª lugar, logo atrás de "The Big Bang Theory"(ver tabela no artigo).
A importância destes produtos(não esquecer "Twitter")é relevante, deixam de ser meros participantes, tornando-se activos e diria "substitutos" de alguma forma, onde a medição oficial não consegue chegar.
A mudança está à vista. Se beneficiou ou não "chuck", não sei, mas é impossível ignorar a força destes movimentos paralelos.
Convido a ver o artigo publicado(para melhor entender o pouco que aqui cito)e os factores que levaram a estes resultados onde o motor de busca, por exemplo, também teve papel preponderante.

Em outro artigo, além de citar o "Content Power Ratings", compara-o só com as medições normais da audiência pela "Nielsen Family".
"Gossip Girl"(também de Josh Schwartz), ocupa a 125ª posição nas medições oficiais e 14ª no "Content Power Ratings".
Impossível ignorar estes novos aliados e não ficar surpreendido com a discrepância atingida pelo mesmo programa, em tabelas diferentes.

victoryyyy!!!

Chuck fans, é oficial! Temporada quatro, ai vamos nós!!
Enquanto esta é a notícia que salta à vista, neste minutos iniciais que estou ligado ao mundo, outras notícias surgem e com um significado muito importante e deveras interessante, os novos formatos de avaliar o "pulso" de um programa não limitando-o as audiências, tal como o efeito Facebook.
No decorrer do dia, irei postar mais sobre, mas uma nota principal deve sobressair disto tudo:
Nós, fãs de Chuck, somos os melhores do mundo!!
A participação activa, a partilha entre fãs por este mundo fora é uma sensação nova para mim, nunca tomei partido por um programa de tv. O que observo e colho desta iniciativa proporciona sorrisos inesperados mas nem por isso menos intensos.

A bandeira foi novamente erguida.
A batalha foi ganha, mas a "guerra" vai continuar. É preciso com esta vitória, transformá-la em algo mais, em audiências para que um programa tão "chuckalicious" não tenha de passar por aperto semelhante no futuro.
Tempo para festejar.
Os intervenientes principais já manifestam carinho sobre a renovação e Zachary Levi, momentos atrás via "Twitter" expressou desta forma as boas novas:
 "Thank you for all the love and kindness. I hope we can make a fourth season that is deserving of all your support. Blessings to you all."
("Obrigado a todos pelo amor e carinho. Espero que todos possamos fazer uma quarta temporada que seja digna do vosso apoio.  Saudações a todos")


Awesome!!  :0)

ah...yvonne strahovski...

Tudo nela é lindo, ela é linda! Ou como se diz em polaco: wszystko o niej jest piękna, jest piękna!
Isto se o google tradutor "disse" a verdade :0))

"chuck vs the living dead" (via chucktv.net)

quinta-feira, 13 de maio de 2010

chuck e a ficha técnica

Depois de verificar a ficha técnica dos últimos episódios da terceira temporada de "Chuck", bastaram poucos segundos para ficar satisfeito.
A maior surpresa é o regresso à escrita de Josh Schwartz. A última vez que tal aconteceu foi em "chuck vs the ring", último episódio da 2ª temporada.
Eis do que a "pizza sem azeitonas" é feita:
- "chuck vs the living dead" - realizado por Jay Chandrasekhar(vs the suburbs e vs the ex) e escrito Lauren LeFranc e Rafe Judkins, dois dos novos argumentistas que com um episódio mostraram o que valiam(vs the tic tac) e no outro...bem, nos deixaram em plena lua-de-mel(vs the honeymooners) :0))
- "chuck vs the subway" - realizado por Matt Shakman(uma estréia) e escrito por três dos principais argumentistas do programa, Allison Adler,Matthew Miller(de partida do programa) e Phil Klemmer.
(nota: vamos descobrir mais sobre a família de Casey neste e no último episódio).
- "chuck vs the ring: part 2" - realizado por Robert Duncan McNeill(de todos, é o que mais sentou na cadeira de realizador, em três anos) e os responsáveis pela nossa alegria semanal, Chris Fedak e Josh Schwartz.
A importância dos envolvidos diz tudo. A garantia de bom espectáculo, no papel, está garantida(admito a dúvida com o realizador do episódio 18. vou tentar arranjar mais info sobre).
Muito curioso para saber como irá funcionar o "flasback" que apresenta Chuck e Ellie, em tenra idade.
Se quiser saber quem são os actores de "palmo e meio", basta clicar em Chuck e Ellie  :0)
"Ring" them all!!

terça-feira, 11 de maio de 2010

vai por ali que eu vou por aqui

Interessante, pela primeira vez minha linha de raciocínio não vai de encontro com a maioria dos críticos que costumo ler.
Episódio 17 não foi assim tão bom e o 16 foi? Estarei tão longe da verdade? Hum...
O "tv fanatic" mal escreveu sobre. Não é normal...
Enfim, são opiniões. É para respeitar e como acontece várias vezes, também, para aprender.

chuck vs o pulso episódio 16

Se esperar por um episódio de "Chuck" é o melhor da semana, aguardar pelas audiências da noite é o oposto, não importa o resultado.
Acontece que mais uma vez, o resultado não é bom. Também não é mau, mas para quem entende sobre os valores que importam, 5,33 milhões de espectadores, não é promissor.
Sobe ligeiramente comparado com a semana passada, mas é um número preocupante.
Continuar a apostar nas pessoas que tem uma caixa da "Nielsen Family" e para quem vive "Chuck" de "fora", tão intensamente, é uma batalha penosa.
Gostaria de saber, além do uso este medidor, quantas pessoas realmente sintonizam o programa. A NBC saberá?
Enfim, mais uma razão para crer na realidade ao invés dos diversos comentários que dão como certa a renovação.
Um grande episódio como o de ontem, merecia melhor sorte.
Os finais de temporada atraem muito público, mas com a decisão marcada para o próximo dia 17/05, resta torcer por um final feliz.

prévia episódio 17

Amanhã é segunda? Nah...ainda temos alguns dias para mais Chuck.
Facto: mais rápido se quer, mais rápido acaba, portanto, calmex!! :0)

Episódio 17, "chuck vs the living dead". A trama:
"Depois do seu último sonho, Chuck pede a Morgan para ajudá-lo numa missão à parte do protocolo. A investigação fica mais complicada quando o pai de Chuck(Scott Bakula)regressa ee descobre que Chuck descarregou para seu cérebro o "Intersect 2.0".
Com sorte, talvez seu pai consiga ajudar seu filho do destino que lhe espera."
Eis a promo:



Hum...consegue sentir a dor que Steve Bartwoski carrega em sua voz?

chuck e arredores episódio 16

Passa a ser nota do costume, mas vale a pena conferir o que os críticos mais próximos à Chuck tem para dizer sobre o episódio da semana(ver barra lateral chuck vs intersect).
Episódio 16 soou desta forma:
- Flo Rida & Keisha . "Right Round" ;
- The Gaslight Anthem - "Here's Looking at You, Kid" e
- Dr. Dog - "Jackie Wants a Black Eye"

chuck vs o sorriso colgate :)

Tadeu, "don´t freak out!"

Quem não viu o episódio 16, "chuck vs the tooth", ontem à noite, não sabe o que perdeu.
A tanta coisa para citar, que quando acabar este texto, metade vai ficar de fora(é uma boa desculpa já que há tanta coisa boa e nem sei por onde começar).
Faço-o antes de o ver pela segunda vez, com o risco de escrever um "testamento" ao invés de fazer algo coerente, em poucas linhas(pois...posso ser coerente em muitas também, mas também chato! rs)
Portanto, para facilitar, mais do que falar sobre o episódio, será um texto de notas sobre o mesmo.

Primeiro, Zach Levi.
O rapaz entregou a "papa" feita. Sua flexibilidade, facilidade em mudar seu registo cómico para o dramático foi evidente no episódio 16 e se há uma cena que resume bem o que escrevo, acontece no instituto mental: Chuck está drogado pelos "maus da fita", tem um flash para usar seu kung fu e falha categoricamente, todos os golpes. O último, porém, com seus braços a formar um semi-círculo e os dentes cerrados, é a prova que este rapaz será um grande comediante, com brilhante futuro(já esta a ter) na indústria das artes cinematográficas.
Se dúvidas houvesse sobre a importância de "Spie Like Us" no universo Chuck, ficaram dissipadas(pode ler mais aqui). Se ainda não viu o filme, corra atrás! :0)
Imagens do filme, citações ao actores, um "spie...like...me?", fantástico.
Pelo meio, uma corajosa "boca" dos argumentistas sobre o marasmo das segundas-feiras à noite na tv americana. Vi muita graça nesta cena que tem destino certo! ;0)
Alguém previa o regresso de Brandon Routh e seu "Shaw"? Quem sabia, nada disse!
Num meio que vive de "spoilers", soube-me muito bem ser surpreendido, não obstante a "chatice" que é ter Shaw, outra vez, a perturbar nosso herói. Uma coisa é certa, pelo menos desta vez, tem mesmo cara de mau!
Mas será que vamos ter mais Shaw até o final? Oh boy...

O episódio tem uma das aberturas mais consistentes, longas do programa até agora, quero crer.
Arranca com piadas atrás de piadas e com "Jeffster in fire!!".
Em outro post talvez volte aos diáolgos deles, mas foi brutal! :0))
Depois, tornou-se equilibrado o tom entre a comédia e o dramático. Ver Chuck em maus lençóis é um drama daqueles!
Todos sentem um aperto no coração, como eu sinto?

Chuck vai ficar "ga ga" por causa da Intersect? Quão fixe é unir os pontos e ver que o pai de Chuck já sofre deste mal e quão fixe é imaginar Ellie salvando ambos?
Eu sei, futurologia, mas não resisto a "brincar" de argumentista :0)
Chuck, desta vez não é safo pelo amor de Sarah(que finalmente e "à maneira dela", abre seu coração, explica seus actos), não são os sentimentos que atrapalham seu "flash", nem a falta de ouvir um "eu te amo". Algo vai mal na cabeça de Chuck e a solução pode estar com seu pai, Stephen Bartowski, que regressa no episódio da próxima semana, para virar o mundo de Chuck dos avessos.
Mais uma vez, Stephen B. vai chocar com "The Ring", de forma semelhante à sua primeira aparição com a Fulcram.
A confiança, o medo de perder algo que ama, querer esconder que está doente, aparenta ser um dos motivos fortes para preencher as três horas que faltam.
O operativo "The Ring", que antes só fazia cócegas, surge com força e a jogar por baixo, envolvendo Ellie no mundo espionagem, levando-a a crer que todos a sua volta não lhe ligam e que Casey é uma pessoa do mal(agora faz sentido a cena da frigideira...).
O regresso de Julia Ling(AnnaWu), honestamente, soa mais como uma "prenda" pelo facto de ter sido excluída do grupo devido ao corte orçamental da série. Não trouxe nada de especial e Morgan, por esta altura, não precisa de se afirmar perante quem o vê(espectadores). O homem "tem-nos" na mão! :0))
E "Big Mike", alguém viu? Pois...a mãe do Morgan é uma insacíavel :0))

Christopher Lloyd aparece com um registo tranquilo e muito centrado no seu papel de psiquiatra. Não poderia ser um registo cómico. Nem era de se esperar.
Agora digo: Culpado!!
Se "Doc Brown" é a maior referência do actor, como esquecer de "Voando sobre um ninho de cucos"!!, um dos três filmes que ganharam as principais categorias dos óscares(filme, realização, argumento, actor e actriz). Lloyd participa desta obra-prima, que decorre num instituto psiquiátrico.
Chuck, assim como o personagem de Jack Nicholson em "Voando...", também vai lá parar injustamente e tem grande interacção com os pacientes da trama.
Clara referência ao filme, magistralmente escrita e realizada.
Ver os doentes psiquiátricos a agirem com seus "tiques" de espiões teve tanto de divertido como emocionante.
Lloyd também esta presente num dos melhores momentos de "Chuck": Sarah vai falar com o "Doc" em sua casa e descobre que Casey já lá estava. Bravo!!
Fez-me lembrar "chuck vs the tic tac", onde Chuck, em meio a problemas emocionais com Sarah, não abandou o amigo "resmungão"(magnífico episódio, já agora) na hora do aperto.
A cumplicidade dos três no pequeno ecrã aumenta e eleva a importância do programa num grau maior que a relação de Chuck e Sarah. Porque?
Porque a relação de ambos é esperada desde o episódio piloto. Ver Chuck, Casey e Sarah unidos cada vez mais, nem tanto. A construção da amizade dos três tem sido de uma forma belíssima.
Os próximos episódios deverão aproximar ainda mais esta relação, uma vez que é sabido o regresso à trama de "chuck vs the tic tac".
Catano...faltam três horas para acabar e haja coração!
"Chuck vs The Tooth" foi realizado por Deise Von Scherler Mayer e escrito por Zev Borow e Max Denby(well done!!).

O texto vai longo, está fora do meu controle :0))
Se quer escrever algo sobre o episódio, o que pensa sobre, força!
Este blogue quer-se divertido e a participação de quem lê, é mais do que bem vinda!

segunda-feira, 10 de maio de 2010

chuck e o talvez sim, talvez não

O "vitaminaChuck" está a par das notícias vinculadas que dão como "quase" certa a renovação de Chuck para uma 4ª temporada.
A opção em não deixar qualquer tipo de ligação para estas notícias é intencional, o que não impede o leitor do blogue ir atrás deste tipo de informação.
Criar expectativa com algo que vive na corda bamba não é o caminho.
Veja o caso "Smallville": 10ª temporada confirmada a cerca de um mês, seguido de um declíneo nas sondagens impensáveis nesta altura e comentários de um eventual cancelamento. Cantar vitória? Aqui não!  :)
Jogar com as cartas disponíveis é a melhor "jogada" e torcer que os tais "nielsen family" tenham as tv´s ligadas na hora certa, ou seja, segundas às 20h, nos States.

chuck "ga ga"

Hoje, mais do que nunca, é preciso torcer por um bom desempenho de "chuck" nas audiências norte-americanas. Porque? Porque no próximo dia 17/05, a emissora NBC irá divulgar se "chuck" ganha a merecida 4ª temporada e um bom desempenho nas audiências hoje, será um sinal + na hora da decisão.

 Sobre o episódio 16:
- Chuck está a ter alguns sonhos que o perturbam ao ponto de acreditar que estes sonhos recentes prevêm perigo para a visita de um Chefe de Estado.
General Beckman entretanto, está convencida que Chuck precisa ir à uma consulta com o psiquiatra da CIA, Dr. Leo Dreyfus (Christopher Lloyd).
Enquanto isso Ellie irá ter algumas surpresas(ou será Casey?) e Anna(Julia Ling), regressa para conversar com Morgan.
Quais serão as intenções de miss  Wu para com Morgan? Ai ai...  :)

 
O círculo começa a fechar-se e os quatro últimos episódios ganham contorno e força.

domingo, 9 de maio de 2010

yvonne strahovski em "the killer elite"

Era uma questão de tempo para Yvonne Strahovski dar um grande salto para o grande ecrã.
A belíssima actriz australiana fará parte do elenco de "The Killer Elite"(imdb com pouca info técnica sobre o filme).
Será sua primeira grande produção na sétima arte. Vai ser em grande e bem acompanhada!
Clive Owen("Closer") e Jason Statham("The Italian Job")são dois dos nomes confirmados neste filme de acção, bem a medida de Strahovski que será o interesse amoroso de Jason Statham.
A realização esta a cargo do novato Gary McKendry.

Ai mi coraçon...Yvonne Strahovski versão 12,70 por 5,60(ecrã de cinema hehe), conta comigo!! :0))

zachary levi vs a europa

Mamma mia!
Se o seu coração pulsa mais forte por Zachary Levi, tem para os próximos dias, muita coisa para ver na "world wide web", basta digitar no motor de busca o nome do actor.
Sua passagem pela Europa revela-se rica em carinho, conquistado com a excelência de "Chuck".
Ontem, 8/05, dia grande para os fãs italianos.
O "telefilm festival" reune alguns nomes sonantes do pequeno ecrã, num contexto global, para falar de seus projectos e personagens.
Zachary Levi foi um destes convidados e encantou todos com sua simpatia.
Dias antes esteve em Espanha, em campanha semelhante, onde apresentou o arranque da terceira temporada de "chuck" por terras de "nuestros hermanos".
O mundo esta com "chuck" :0)

Nota: na passada sexta-feira, 07/05, lançamento oficial do teledisco "Terrified", de Katharine McPhee que conta com a participação de Levi, num dueto deveras agradável.
Não é a primeira vez que Zach arrisca nos vocais. Seu passado teatral apurou-lhe o gosto pelo canto e quando o tempo permite, empresta a voz na mui divertida "band from tv", composta por vários actores de vários programas como Hugh Laurie e Jesse Spencer(House), Greg Gumberg(Heroes), entre outros.
Eis o "guia" Zach Levi, a distância de um clique:
- teledisco "terrified"
- telefilm festival
- bonsai tv (nesta ligação, muitos vídeos, com qualidade, sobre a passagem por Itália de Levi e outros nomes conhecidos do pequeno ecrã yankee).
- band from tv - (Zach aparece a meio da canção)

sábado, 8 de maio de 2010

venha "el diablo" e escolha! :0)

Muitos tentaram, poucos conseguiram mas só uma banda realmente almeja ter...o pior teledisco de sempre no currículo e a proeza tem um nome: JEFFSTER!! :0)

A trupe criativa de "chuck" promete um final épico para as aventuras do "team bartwoski" e uma overdose de "jeffster".
Há pouco mais de um mês, duas fotos foram divulgadas para aguçar o apetite e curiosidade dos fãs.
Tenho certeza que as dicas estão todas nas fotos, o guarda-roupa não está ali por acaso, mas quanto mais olho para as fotos, menos sei :0)
Muito se falou sobre Bon Jovi, "dead or alive" ou "blaze of glory", mas ambas canções são semi-acústicas e nenhuma usa a mesma guitarra que Jeff ostenta ainda que "wanted dead or alive" daria um bom "pior teledisco", enquanto "blaze of glory" tem uma relação com armas mais interactiva e não se enquadra tanto no contexto "chuck".

"It's all the same, only the names will change
Everyday it seems we're wasting away
Another place where the faces are so cold
I'd drive all night just to get back home"
("wanted dead or alive")


Sendo um "roqueiro" assumido, não decifrar um milímetro desta foto, dá-me vontade de escrever meu Currículo num guardanapo! :0)
Mas estes casacos de cabedal, correntes no pescoço, só penso em um nome: Tony Iommi, guitarrista dos Black Sabbath.
Mas porque?? :0)


Aceitam-se apostas! :0)

sexta-feira, 7 de maio de 2010

chuck e as referências

A base de um bom argumento recai sempre na criatividade/originalidade.
Aliado a estes factores, entre outros, há um elemento chave que molda as direcções que um trabalho pode ter: referências que surgem de várias formas.
Um bom exemplo é "Matrix". Busca diversos elementos da cultura pop, inclusive, da Bíblia para moldar seus personagens e criar uma peça única, original, mixando bem estes elementos.
"Chuck" no decorrer de três temporadas, "pisca" o olho a diversos sentidos. Por vezes de forma óbvia, outras nem tanto.
O episódio "chuck vs santa claus" é dos mais significativos e a "vítima": "Die Hard", magistral filme de acção policial, com Bruce Willis.
Tem Natal, tentativa de estragar a "fiesta" natalícia e...Reginald VelJonhson!
Não só repete seu papel como Sargento Al Powell, como aparece sendo primo do Big Mike, uma idéia excelente da trupe criativa.
Referênica e homenagem de mãos dadas, com distinção :)
Tron, Comic-Con, Star Wars, Call of Duty, o leque é vasto!
O cálice sagrado de Chuck é "Spies Like Us" .
Filme de 1985, com Dan Aykroyd e Chevy Chase, nos papéis principais.
A trama (via rêtêpê) é assim:

"Espiões Como Nós” é uma hilariante e tresloucada comédia satírica sobre as aventuras de dois espiões americanos no Afeganistão nos tempos da guerra com a União Soviética. Dois dos maiores trapalhões e incompetentes do serviço de espionagem americano que deveriam servir de manobra de diversão a uma outra equipa cuja missão acabam por realizar graças aos mais incríveis acasos e disparates. John Landis constrói um filme genuinamente burlesco e hilariante que é, ainda, uma revisão cínica e mordaz do cinema de espionagem e aventuras, recheado de gags irresistíveis e servido por uma dupla de talentosos comediantes: Chevy Chase e Dan Aykroyd."

Hum...consegue ver Bartowski pelo meio? Não é difícil :)
A premissa serviu de base para criar o programa e de uma forma ou de outra, inserir no universo "chuck". Ficam algumas referências:

- "chuck vs the broken heart" - chuck disfarçado de médico apresenta-se ao Dr. Mohammed Zamir e trocam vários "doctor, doctor".
Em "spies like us", isto acontece quando Aykroyd e Chase encontram vários médicos numa tenda, no Afeganistão(ver hilariante vídeo abaixo).
- Emmett Millbarge - o nome deste personagem(cruelmente despachado no primeiro episódio da 3ª temporada)nasce da junção de nomes dos personagens interpretados por Aykroyd e Chase:
Chevy Chase é Emmett Fitzhume e Dan Aykroyd, Austin Millbarge.
- "chuck vs the american hero" - chuck depois de entrar no armazém para salvar "o outro agente...argh...", encontra uma máquina de refrigerantes que dá acesso a um esconderijo subterrâneo.
Em "spie like us", cena semelhante envolve dois personagens, algures numa cozinha.

Há muito mais e felizmente, não é a única fonte de inspiração de "Chuck".
É a "mais valia" do programa. Sempre que usa estas notas, fá-lo com distinção. Ganha o programa e quem vê. Se isto gera curiosidade no espectador(em qualquer meio de entretenimento) é uma "pequena vitória" :0)



"Spies Like Us/Espiões como nós" tem a realização segura e divertida de John Landis com argumento de Dan Aykroyd.
Para quem gosta de "Chuck", é "obrigatório" ver :)

quinta-feira, 6 de maio de 2010

tão perto, tão longe

Zachary Levi(magrito magrito)por esta altura anda por terras de "nuestros hermanos"(não vai comer tão bem como se come em Portugal, não sabe o que perde, mas pronto, perdoamos desta vez) para divulgar "Chuck" !
Amanhã, dia 7 de Maio, parte para a Itália onde vai participar no "Telefilm Festival", em Milão, também para promover "Chuck".
Que objectivo poderá ter a NBC em divulgar uma série com dias contados?
Sim, o poder de compra ignora certos pormenores, como uma série "na bolha".
- "Me gusta Zacharias aqui."
- "Yes, yes, si, si, dólar, euro, no problemo.

Prefiro encarar esta mini-turnê europeia como um sinal + e que as aventuras dos "The Charleses" no pequeno ecrã, viverão por mais tempo.
nota: todos os operadores, a cabo, tem canais italianos. Talvez, algum transmita o "telefilm festival" já que são dados a este tipo de eventos. Vá benne? :0)

chuck e o tema de abertura

Quantas vezes deu por si a cantarolar o tema de abertura inicial de "Chuck"?
Som de guitarra contagiante e uns " na na nas " pelos meio, hum...e o resto?
O tema chama-se "Short Skirt/Long Jacket" e é interpretado pelos norte-americanos "Cake"(que por algumas vezes pisaram solo nacional).
Ao melhor estilo "siga a bolinha" abaixo teledisco de "Short Skirt/Long Jacket"(mui divertido), com direito a letra original para cantarolar aqui ou acolá :0)

A letra da canção faz lembrar alguém conhecido? ;0)


Short Skirt / Long Jacket

I want a girl with a mind like a diamond,
I want a girl who knows what's best,
I want a girl with shoes that cut,
and eyes that burn like cigarettes.

I want a girl with the right allocations,
Who is fast, and thorough, and sharp as a tack.
She's playing with her jewelry,
She's putting up her hair,
She's touring the facility
and picking up slack.
I want a girl with a short skirt and a long jacket.
I want a girl who gets up early, (gets up early!)
I want a girl who stays up late, (stays up late!)
I want a girl with uninterrupted prosperity,(uninterrupted!)
Who uses a machete, to cut through red tape.

With fingernails that shine like justice,
and a voice that is dark like tinted glass,
She is fast, and thorough, and sharp as a tack.
She's touring the facility
and picking up slack.
I want a girl with a short skirt and a long, long jacket.
(na na na na.....)

I want a girl with the smooth liquidation, (smoothliquidation!)
I want a girl with good dividends, (good dividends!)
At Citibank we will meet accidentally, (meet accidentally!)
We start to talk when she borrows my pen.
She wants a car with a cup holder-arm rest,
She wants a car that will get her there.
She's changing her name from Kitty to Karen,
She's trading her MG for a white, Chrysler LaBaron
I want a girl with a short skirt and a long jacket.
(na na na na na.....)

i love you too

Em 2009, durante a longa greve dos argumentistas nos States, Yvonne Strahovski(Sarah Walker), aproveitou esta paragem para regressar ao sítio onde cresceu, Austrália, e rodar o filme "I love you too", cuja estréia esta marcada para hoje, nos cinemas australianos.
"I love you too" conta a história de Jim(Brendan Cowell), "trintão" acomodado e que após três anos e meio de namoro com Alice(Strahovski), não é capaz de assumir um compromisso mais sério e quando recusa dizer a namorada " i love you", deita tudo a perder.
Diz quem viu que "I love you too" é uma comédia romântica deliciosa.
O filme é realizado por Diana Reid, que estreia-se na cadeira da realização e conta com as participações de Petter Helliar(argumentista do filme), Megan Gale e o brilhante Peter Dinklage(ao meio, no poster), do qual não resisto deixar uma dica: próximo dia 17 de Maio, no Jornal Público, estará a venda "A Estação"(integra a colecção Ipsilon 2), um filme encantador do qual Dinklage participa.

Abaixo trailer e poster.
Boa sorte para a versátil Yvonne Strahovski que nesta película, interpreta uma inglesa!




quarta-feira, 5 de maio de 2010

chuck vs undercovers

A rede NBC que trasmite todas as segundas-feiras "Chuck", acaba de assinar um contracto com J.J. Abrams, tido por muitos e há algum tempo, como o "novo" Spielberg.
A trama é mais ou menos assim:
"Undercovers" terá menos mistério e menos ficção científica. É, segundo a descrição do próprio produtor e realizador, "uma comédia-drama sobre um casal de espiões". Centra-se em Steven e Samantha Bloom(Boris Kodjoe e Gugu Mbatha-Raw, respectivamente) , promissores espiões da CIA que resolvem sair da agência depois de se apaixonarem e abrir uma pequena empresa de catering em Los Angeles. Cinco anos depois, o desaparecimento de um amigo espião após uma missão na Rússia leva o chefe veterano Carlton Shaw (Gerald McRaney) a recontratar a dupla para localizar e resgatar o agente".(via  ionline)


Certo que Abrams é uma "aposta ganha", uma espécie de Midas, feito conseguido muito devido ao mega-sucesso de "Lost".
Não tenho nenhum tipo de objecção a qualidade do rapaz, mas a história tem contornos muito semelhantes a Chuck(tem até um Shaw!!), apesar de Chuck ser, acima de tudo, uma comédia.
É preciso "lata" para apostar num nome e proporcionar uma "vida negra" aos fãs e a trupe que cria Chuck na hora de autorizar uma nova série sobre espionagem, com drama, comédia e aventura.
Não consigo enxergar originalidade na trama acima apresentada, somente uma coisa: abertura dos "bolsos"(guito que tanta falta fez para "chuck")para um nome que apesar da fama, também esta sujeito a falhas.
Entendo que o risco tomado acontece somente por causa do nome de J.J. Abrams. Que mais poderia ser perante uma nova série de espionagem.
Vários artigos publicados informam que esta decisão não tem nada a ver com "Chuck", mas no mesmo artigo questionam se a NBC quererá ter dois shows sobre agentes da C.I.A.

Dia 17 de Maio a NBC divulgará nova grelha e se "Chuck" terá a tão desejada 4ª temporada.

terça-feira, 4 de maio de 2010

chuck vs o pulso episódio 15

Divulgado os números das audiências da noite de segunda-feira, na tv americana, do qual se inclui "Chuck" com o episódio "chuck vs the role models": 5,28 milhões de telespectadores.
Há uma ligeira descida, que quebra a tendência revelada nos dois últimos episódios, mas mantem-se na cada dos 5 milhões de telespectadores.
Inesperado depois de um dia repleto de manifestações de apoio ao programa, em várias cidades norte-americanas.
De nome "flash mob", a iniciativa pretendia juntar o maior número de fãs, vestidos a rigor(uniforme da buy more), levado a cabo pela página "chucktv.net"(fotos do evento neste click).
Baixar os braços não faz parte do vocabulário!
Tenho certeza que todos os fãs portugueses estarão a torcer para que "chuck", já na próxima semana, recupere a linha da frente(onde pertence)usando todas as "armas" possíveis para que mais fãs de Chuck, nos States, possam estar com a tv ligada quando este for exibido.
Antenas viradas para o episódio 16, "chuck vs the tooth", que irá definir o arco final da 3ª temporada e ganhar pontos para Chuck e a 4ª temporada!!!

doc!

O próximo episódio de Chuck, "chuck vs the tooth" promete!
Primeiro porque tem a participação especial de Christopher Lloyd, eterno Dr. Emmett Brown a.k.a. Doc, da saga "Back to the Future".
Segundo porque a Intersect, que habita na cabeça de Chuck, começa a fazer-lhe mal.
Se voltarmos ao episódio 10, "chuck vs the tic tac"(meu favorito? talvez...), vemos Ellie receber uma bolsa de estudos em Neurologia(ela é uma Bartowski, não esquecer :) ) e nos próximos episódios, o pai de Chuck regressa com uma solução(será?) para seus problemas depois de descobrir que Chuck continua com a intersect em su cabeça.
Talvez haja ligação, talvez mero entusiasmo, mas para o escriba, faz sentido.
Voltando ao episódio 16...

Chuck esta a ter sonhos e atitudes estranhas e a intervenção de um psiquiatra é precisa.
Dr. Leo Dreyfus(Lloyd) aparece para salvar o dia?
Ellie...hum...será que ela vai descobrir o segredo de Casey antes de descobrir algo sobre seu irmão?
Será preciso "marcar consulta" para o próximo dia 10/05. Antes, algo para aliviar a dor :0)

chuck e arredores

Nem sempre escrevem sobre Chuck, mas vale a pena ficar atento a trupe do "Chuck vs Intersect"(ver barra lateral).
Dos mais activos, Alan Sepinwall, comenta(sempre de forma magistral)o episódio desta semana.
Músicas desta semana:
- Mel Torme - "Comin Home Baby";
- Miike Snow - "Sans Soleil" e
- Barry White' - "I'm Gonna Love You Just a Little More Baby"


arrumar antes de desarrumar

Pronto.
Acabei de ver o episódio 15 de "Chuck", "chuck vs the role models" e assim, à queima-roupa, escrevo algo sobre.
Tinha suspeitas de que o episódio 15 não seria tão excitante como os dois últimos, por exemplo.
A promo não era tão convincente, Allison Adler e Josh Schwartz, dois criativos do show, normalmente, via Twitter, incentivam os fãs a verem Chuck com dicas sobre, nem que esta seja reduzida a um simples "awesome", e sequer a promo para canadense ver foi divulgada.
Após ver "the role models", chego a conclusão que meu instinto não estava tão errado.
"chuck vs the role models" funciona como balanço, um cartão de visita para momentos mais complicados que possam estar para acontecer.
A dinâmica deste episódio é complicada e acredito que na sala de montagem, tenha havido muitas dúvidas, foi notória a quebra de ritmo para gerir entre quatro casais: Chuck e Sarah, Casey e Morgan, Ellie e Devon e Laura e Craig Turner, o casal de espiões que deveria servir de exemplo para Chuck e Sarah.

Chuck e Sarah continuam juntos, mas a adaptação a esta vida a dois tem seus quês.
Casey e Morgam cimentam sua amizade num nível mais "rápido, cordial" do que Casey mostrou para com Chuck. Casey estará habituado? Prefiro pensar que sim(Chuck mudou várias pessoas à sua volta e Casey é uma delas). Seria um erro comprometer estes dois fantásticos personagens a uma rotina já vista anteriormente entre Chuck e Casey.
Ellie e Devon. Bueno, o "Capitão Fantástico" mais uma vez revela seu ponto fraco, Ellie. A forma como fica vulnerável perante as dificuldades que Ellie enfrenta para lidar com novas situações é puro romance!
E se dúvidas tinha, ficaram dissipadas. Algo me diz que Ellie vai descobrir sobre a vida de espião do irmão e que Devon não conseguirá manter a pressão que é esconder-lhe isso uma vez que os operativos do "The Ring" estão novamente em seu pé, ainda que não saiba disso.
Quanto ao "casal modelo" entendo a necessidade de apresentar referência ao "nosso" casal modelo, mas com qual objectivo? Afirmação da fidelidade de Chuck e Sarah para um com o outro?
Que seja. Pode ser importante para quem escreve, mas para quem vê, há muito tempo que isto deixou de ser uma dúvida. Chuck e Sarah daqui a 30 anos poderão ter diversas discussões entre eles, mas a fidelidade não será um problema entre os dois(ainda que um episódio com ambos disfarçados e com a necessidade de envolver-se com o "alvo", faça explodir o "factor ciúmes". Um episódio assim, teria graça agora que estão juntos).
Soou previsível Sarah recusar morar com Chuck, mas soou ainda melhor vê-la justificar seu "chilique" dando espaço para um Chuck maduro, lidar com classe esta situação.
É, no final das contas, um episódio leve para arrumar o quarto e logo de seguida, desarrumá-lo.
Baterias apontadas para uma conclusão com o "The Ring" e uma enorme curiosidade sobre o papel que Ellie terá nos próximos episódios.
Irá ela descobrir o segredo de Chuck?
Creio que sim. Vai uma aposta? :)
Ah! Morgan, como te entendo...dividir o mesmo tecto com Sarah Walker, não é tarefa fácil, nem para um futuro espião :)
Para terminar, uma simples pergunta: gostou do episódio?

segunda-feira, 3 de maio de 2010

chuck vs the role models

Mais um dia importante para o universo "Chuck".
Importante porque hoje é segunda-feira com a exibição de um novo episódio, "chuck vs the role models"(quem diria que este peculiar dia da semana, passaria a ser tão "desejado")
Importante devido as audiências, que ainda não permite respirar tranquilamente e porque a trupe de fãs mais activa da internê,(e onde todos se encontram) o "chucktv.net", realiza mais uma campanha fulcral para executivo ver.
Em vários pontos dos States, irá acontecer o "flash mob".
Uma iniciativa que pretende reunir vários fãs de "Chuck", vestidos a rigor(uniforme da "buy more")para, mais uma vez, passar uma mensagem clara aos executivos da NBC de que apesar dos números, a fidelidade dos fãs não pode ser ignorada e que "Chuck" merece ser renovada para mais uma temporada.
"Chuck vs the role models" foi escrito por Phil Klemmer e conta com as participações especiais de Swoozie Kurtz e Fred Willard.